Ray Baniwa

É do Povo Baniwa, da Terra Indígena do Alto Rio Negro, município de São Gabriel da Cachoeira, comunicador e colaborador da Rede de Comunicadores Indígenas do Rio Negro (Rede Wayuri), tem formação em Marketing e mestrando em Comunicação e Cultura na (UFRJ). Atua na formação de comunicadores indígenas no noroeste amazônico, pesquisa comunicação indígena e apropriação tecnológica pelos povos indígenas do Rio Negro, governança de internet na Amazônia, e recentemente acompanha de perto discussões e debates sobre a emergência e justiça climática.

Publicação

As mudanças climáticas estão acontecendo e são perversas
Agentes Indígenas de Manejo Ambiental (Aimas) observam o ambiente e descrevem em diários os efeitos dos extremos climáticos no alto rio Negro, uma das regiões mais preservadas da Amazônia. Estiagem recorde no Amazonas isolou roças e afetou a navegabilidade na região. Aimas em formação realizado em Iauaretê, Rio Uaupés. Foto - Rede Wayuri A Rede de Agentes Indígenas de Manejo Ambiental (Aimas) é um projeto criado pela Federação das Organizações Indígenas do Rio Negro (FOIRN) em conjunto com…